Erros

Reli esse poema recentemente e lembrei de coisas que não deveria. Talvez você, ao lê-lo, faça o mesmo e assim poderemos fazer o não deveríamos juntos. Companhia para o erro o faz um tanto menos errado. Eu acho:

 

E finalmente eu sei que meu amor por você está aqui:

Eu posso ver tudo, é completo como o crepúsculo,
É grande, tão grande,
Eu não conseguia perceber antes
Por causa das luzinhas e centelhas e interrupções,
Problemas, ansiedades e dores.

Você é o chamado e eu a resposta,
Você é o desejo e eu a realização
Você é a noite e eu o dia
O que mais? — é perfeção suficiente
É perfeitamente completo
Você e eu
Nada mais.
Estranho, como sofremos tanto apesar disso”

D.H. Lawrence — Bei Hennef

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s